Press

2011-10-03
 

 

Há um ano a marcar pela diferença

A empresa de distribuição de vinhos iVin comemora o primeiro aniversário. O projecto, que desde o inicio se pauta pela diferenciação das suas congéneres, aliando à distribuição a consultoria especializada na área dos vinhos provou ser capaz de singrar no mercado. Com apenas um ano de funcionamento, a iVin trabalha já com a maioria dos hipermercados e supermercados, com o canal Horeca, Cas& Carry e inúmeros estabelecimentos hoteleiros de norte a sul de Portugal.

“Para Miguel Grijó, administrador da iVin, “o sucesso deve-se a dois factores chave: à qualidade reconhecida dos vinhos que distribuímos e à excelente equipa de vendas que, devido à sua experiência no sector, tem uma relação privilegiada com clientes e produtores. Todo este know how permite aliar à distribuição uma consultoria especializada que se reflecte na qualidade superior do serviço que prestamos”.

A iVin demarca-se ainda pela aposta em projectos pessoais de reconhecidos enólogos nacionais e internacionais. Nomes como Osvaldo Amado, Nuno Cancella de Abreu, Paolo Fiuza Nigra, João Melicias, João Silva e Sousa, Luís Duarte, Ricardo Diogo e Rui Reguinga figuram na lista de enólogos que, com a sua experiência em diferentes terroirs e regiões, produzem em vinhas próprias. A nível internacional destacam-se enólogos como Pierre Lourton e Michel Rolland.

A outra abordagem da iVin foca-se nos Vinhos de Quinta, onde os produtores fazem do terroir o principal diferenciador do seu produto. Neste âmbito a Quinta do Quetzal, Quinta dos Abibes, Quinta do Gomariz e Vinilourenço evidenciam-se no portefólio iVin.

Para comemorar o primeiro aniversário a iVin colocou online a sua página na internet, www.ivin.com.pt. Uma compilação de informações sobre os vinhos, enólogos e quintas que permite ao visitante conhecer mais sobre cada néctar distribuído pela iVin.

O projecto iVin nasce numa época financeiramente conturbada onde a palavra crise não escapa ao sector dos vinhos, contudo demonstra, neste primeiro ano de actividade, que é possível renovar o mercado com novas ideias, novos projectos e ambições.